IDIOMA

 
 
 
Serviços de A a Z
Quinta, 26 de novembro de 2015, 08h01 | Tamanho do texto: A- A+

RENEGOCIAÇÃO

MT Fomento realiza mutirão para recuperar crédito

Audiências de conciliação serão realizadas em parceria com o Judiciário

MAÍZA PRIOLI
Assessoria/Sedec-MT

A Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso (MT Fomento) realizará o 1º Mutirão de renegociação para clientes inadimplentes, em parceria com o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) e a Central de Conciliação e Mediação de Cuiabá. As audiências de conciliação serão realizadas de 14 a 18 de dezembro, das 8h às 18h, no Fórum de Cuiabá.

Poderão renegociar dívidas aqueles que estiverem inadimplentes com as carteiras comerciais da MT Fomento, Bemat, Fundagro, Fundo de Aval, ProveMais, Fundeic e Setas.

O termo de parceria entre a MT Fomento e o Judiciário foi assinado na última quinta-feira (19.11) entre o diretor-presidente da MT Fomento, Mário Milton Ferreira Mendes, e a presidente do Núcleo, desembargadora Clarice Claudino da Silva. O objetivo é promover renegociações tanto de dívidas não judicializadas, quanto judicializadas.

De acordo com o presidente da MT Fomento, existem hoje 542 empréstimos contraídos por meio de diversas modalidades de crédito que poderão se enquadrar no mutirão. “No total, são cerca de R$ 8,6 milhões a serem renegociados e a nossa expectativa é de que 30% sejam liquidados durante o mutirão”. 

Condições

Quem estiver inadimplente com a MT Fomento poderá quitar ou renegociar as dívidas com condições especiais, como descontos de até 90% nos juros e multas ou parcelamentos em até 48 vezes.

Já os procedimentos pré-processuais e processuais das carteiras comerciais do Bemat poderão ser quitados com benefícios de até 70% sobre o saldo devedor ou parcelamentos em até 60 vezes. Para dívidas oriundas do financiamento do Fundeic os descontos serão de 30% a 100% nos juros e multas.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (65) 3613-7900.

Economia & Mercado

Newsletter
Preencha o formulário abaixo para receber nossos boletins: